O centenário da revolução socialista soviética (1917-2017) e a evolução de uma ideia - a Igualdade

Dando cumprimento ao Plano Anual de Atividades, com a colaboração da Biblioteca Escolar, no âmbito da disciplina de História A, os alunos do 12.º Ano, de Línguas e Humanidades, assinalaram, no Agrupamento de Escolas Dr. Ferreira da Silva, no passado dia 3 de novembro, o Centenário da Revolução Socialista Soviética, com a recriação de um debate entre historiadores “Lenine, um génio ou um impostor!”, seguida de uma reflexão/debate sobre “A evolução de uma ideia - Igualdade”, temática do projeto Parlamento dos Jovens.

Assim, o debate recriado pelos alunos sobre a figura de Lenine deu lugar a um debate ao vivo, entre os alunos, sobre a evolução do conceito de igualdade.

Igualdade ou equidade? É desejável? É possível?

Tomando como ponto de partida a canção Mulheres Atenienses, de Chico Buarque, alguns discentes do 9ºAno e do ensino secundário discutiram ideias em torno daquelas questões, partilharam opiniões, refletiram sobre o papel de género na sociedade e sobre o quanto pode ser sinuosa, escorregadia e mesmo árdua a ideia de igualdade e a sua aplicação nas rotinas individuais e diárias. O debate permitiu identificar óbices e delinear linhas de ação a favor de uma sociedade mais equitativa e justa.

Esta iniciativa só foi possível graças à compreensão e sensibilidade dos docentes que se disponibilizaram a acompanhar os alunos e à dedicação e espírito de colaboração de todos os que, direta ou indiretamente, contribuíram para o sucesso desta iniciativa.

Refira-se ainda a exposição de trabalhos elaborados pelas turmas de 3.º ciclo, na disciplina de História, nas bibliotecas escolares Cândida Reis e Comendador Ângelo Azevedo.